24 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 12

                -Lovely onde foi que você plantou aquela coisa!!!!!???
                -Eu já disse Ice, está no centro da floresta- Diere entrou logo em seguida junto com a rainha ariana.
                -O que foi que aconteceu? E quem é essa?
                A pequena rainha voou até ficar bem próximo do rosto de Alex- Humano... O que ele faz aqui?- Ela olhou arrogantemente.
                -Alex, essa é a rainha das fadas puras, Ariana. Precisamos falar com Dara e explicar o que aconteceu. – Ice explicou com calma- quero que vocês fiquem perto da muda da Criadora que você colheu.
                Dara ouviu a noticia com muito cuidado e ficou pensativa por alguns instantes- Então... Tudo foi destruído... Impuros.... O que eles planejam?-Ela murmurou- Lovely está cuidando da criadora certo?
                Lovely estava sentada ao lado da árvore olhando os galhos que brilhavam, a antiga Criadora parecia um arbusto ao invés de uma árvore, esta muda era menor ainda.
                -Isso é triste não acha? Leandro está causando problemas a todo mundo, se você causa problemas para muitas pessoas, você acaba sendo morto.
                A árvore cintilou como se respondesse as palavras de Lovely.
                -Você perdeu tudo, eu te arranquei da sua “mãe” e te trouxe para um lugar desconhecido, e agora você descobre que a sua terra natal foi destruída, você deve me odiar não é mesmo?
                Um dos galhos se enrolou no pulso de Lovely segurando gentilmente- Eu sou diferente das outras fadas da terra, eu não posso entender o que as plantas dizem, fadas da terra podem falar com as plantas assim sabem o que estão fazendo de certo e errado, eu não tenho isso, não tenho e acho que nunca vou ter. Desculpe se eu lhe causei alguma dor, mas eu não teria arrancado uma muda da Criadora se não fosse importante.- Lovely se surpreendeu quando sentiu o galho acariciando a sua mão, mas desta vez os galhos não queimavam, era quente mas não machucava- Você entende não é mesmo? Você sabe que se eu não tivesse feito isso, as fadas puras iriam desaparecer, e depois até mesmo nós fadas humanas. Uma rainha de verdade deve ser leal ao seu povo até o fim, você é a verdadeira rainha das fadas puras.- Lovely acariciou os galhos- Apesar de não conseguir entender o que vocês falam, eu ainda gosto de conversar com vocês, falar dos meus problemas e inseguranças, não quero que sintam pena de mim, não quero soluções ou elogios, apenas gosto de falar sem ser julgada. De qualquer forma eu irei te proteger, não vou deixar nada de ruim acontecer com você.
                -Lovely?

                -Alex? O que está fazendo aqui?

23 de dezembro de 2014

Plantas: Agrião

Hey, voltamos ao posts normais, sem um tema especifico, e o ano está acabando, amanhã irei viajar, eu estava pensando em fazer posts especiais para o fim de ano, mas nem sei se vai dar tempo.
Hoje eu irei falar sobre o agrião (não que eu goste de agrião, para mim é só uma planta amarga que a minha mãe bota na salada... E que eu não como) Eu tinha decidido revisar os meus posts antigos e refazer ou me aprofundar mais neles, vamos ver onde isso vai dar...

Nasturtium Offficinale R. Br.(seu nome cientifico pode variar devido aos inúmeros tipos e especies de Agrião). Possui origem na Asia, Africa e Europa,

Cultivo:
Ela se propaga por estacas ou sementes, gosta de solos que acumulem água, de baixa acidez, regas duas vezes por dia, ou locais com água corrente. Ao comprar você deve escolher os maços verde escuros, sem partes amareladas ou pontos escuros e talos firmes.

Medicinal:
O agrião é rico em vitaminas A e C, alem de ser uma fonte de sais minerais como iodo, enxofre, fósforo e ferro, e tonificador de cabelos. O suco é usado para limpar o sangue, abaixar a pressão e quando misturado com mel e suco de laranja, é eficaz contra bronquite, asma e tosse. Porém o seu uso em excesso causa irritação no estomago e nas vias urinarias.

Culinário:
Eu não gosto de coisas amargas (principalmente se vierem em forma de salada), basicamente não gosto de agrião, ele possui um sabor levemente picante. Ele é usado em saladas, sopas, sanduíches,purês ou como acompanhamento de carnes pesadas (Acho que ele também pode ser usado em molhos para dar uma leve picancia...E essa palavra existe?). De preferencia deve ser consumido fresco

Magia:
Fiquei em duvida entre Lua e mercúrio em relação ao planeta regente, por ela gostar de água e ter flores brancas pequenas não possuir um gosto forte, particularmente acho que ele está mais para Lua (poções ligadas a magia em si e sonhos), apesar de algumas pessoas o usarem em Vênus (mas isso costuma depender do seu objetivo). É usado na salada da felicidade representando proteção.



Fontes:
Ervas plantas e chás Prevenção e cura de doenças, Editora Escala
http://www.brasilescola.com/saude/agriao.htm
http://www.campinas.spm.embrapa.br/plantasMedicinais/agriao.pdf
http://www.tuasaude.com/agriao/
http://www.ervanarium.com.br/planta/3/agrio
http://awenarianrhod.blogspot.com.br/p/banhos-chas-e-ervas.html
http://www.portaldascuriosidades.com/forum/index.php?topic=31511.0
http://www.magiazen.com.br/correspondencias-dos-astros-na-cozinha-da-bruxa.html
http://cybercook.com.br/dica-agriao.html?coddic=673
http://espacoastrologico.org/o-significado-astrologico-das-plantas/

22 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 11

                -D-diretora Dara... P-pensei que estivesse viajando o-ou cuidando de algum assunto secreto- Ele disse se levantando- Eu só estava... Espera! Eu não estou fazendo nada de errado.
                -Não estava me referindo a isso, quero saber o que está fazendo AQUI, humanos não são permitidos em Magictopia.
                -Mas eu era...
                -Falou bem, ERA. Você não pertence a esse lugar, deveria viver no mundo do humanos.
                -Mas eu nem tenho para onde ir, nem como sobreviver, você não pode estar falando sério.- Ela simplesmente ficou em silencio, Alex ficou sério e disse- Sabe, você pode até ser a mestra da Giselle, mas não chega nem aos pés de sua própria aprendiz. Você diz que admira os humanos, mas você admira é o conhecimento deles, a tecnologia, não existe isso de onde você vem, você não consegue enxergar o que é realmente importante.
                -Se eu fosse você não falaria nesse tom com a Senhorita Dariana- Alcem apareceu voando com a sua mochila helicóptero- Ela é muito mais velha que você, e muito mais sábia também.
                -Alcem, Dara??!!!-O que estão fazendo aqui?-Lovely disse entrando com Giovana e Felipe- Hun.. Esse é o... Felipe... –Lovely tremeu ao sentir Dara estreitando o olhos- Giovana vai cuidar dele... Alex!!- Ela disse mudando de assunto bem rápido- Você já terminou as tarefas que a Giselle te passou?
                -Não... Eu estava fazendo uma pausa- Ele disse ficando próximo de Lovely, mas sem desviar o olhar de Dara. Lovely o levou de volta para o quarto onde havia uma escrivaninha com um caderno e alguns livros.
                -Alex... Você parece meio nervoso, aconteceu alguma coisa? Eles fizeram alguma coisa com você?
                -Não, eu estou bem... Lovely... Dara sendo uma fada pura, ela não pode me machucar fisicamente, certo?
                -Sim, ela apenas ameaça de um modo convincente, mas ela também pode ordenar para que outra pessoa o faça. - Lovely sentiu os punhos de Alex se fechando e continuou- Mas não se preocupe, eu não vou deixar ninguém encostar em você.
                -Eu não tenho medo dela.- Ele disse pegando o caderno- Só não gosto do jeito que ela me trata.
                -Apenas ignore, agora, que tipo de tarefas a Giselle te passou.
                -Eu já terminei os estudos convencionais, matemática, geografia, historia, então a Giselle escreveu varias palavras no meu caderno e me disse para eu escrever o que elas significa para mim, não entendi o porque.
                Lovely pegou o caderno e leu algumas das palavras, deixou um riso escapar- Parece um exercício para bruxas mais jovens que ainda não desenvolveram os seus poderes. Quando eu estive um tempo na escola de bruxas eu vi uma classe só de crianças fazendo esse exercício, para uma bruxa o significado de uma palavra é mais importante que a sua pronuncia.
                -O que é solidão para você?
                -Ler historias de terror e ao invés de ficar com medo, desejar que realmente tenha um fantasma atrás de você para você ter quem abraçar...
                Alex, ficou em silencio por um momento tentando entender o que havia acabado de ouvir- Você é uma pessoa muito triste Lovely...-
                Lovely ignorou o comentário de Alex e continuou a ler as palavras no caderno- Parece até que ela está tentando te transformar em um bruxo.
                -Isso é possível?- Alex perguntou.

                -Mas é claro que n- Lovely foi interrompida por Ice entrando com tudo no quarto

21 de dezembro de 2014

Mitologia: Kirin

Cara, eu to precisando muito de um estoque de chocolates, um bem grande, do mais doce chocolate ao leite...O problema é que toda a vez q eu compro uma barra de chocolate, eu devoro ela em dois dias... Eu não possuo muito alto controle...

Algumas pessoas descrevem o Kirin (ou Qilin) como um unicórnio oriental, muito conhecido por sua generosidade, respeito a vida, compaixão pelos jovens e pelos puros de coração.
Ele só aparece em regiões governadas por pessoas benéficas e virtuosas e ver um é ainda mais difícil, já que ele apenas aparece para pessoas que tenham tanto respeito a vida quanto ele, avistar um kirin significa bons presságios e prosperidade.

Dizem que a girafa seria a origem da lenda, por ela ser um animal grande, herbívoro, com chifres e um padrão que lembra escamas, Quando Zheng He viajou para a Somália, ele comprou duas girafas que foram chamadas de Qilin, e assim como o Baku e a anta, tanto a girafa quanto o kirin recebem o mesmo nome em japonês e chinês.

Ele é descrito possuindo a forma de um boi, cavalo e veado, crina e barba, cílios longos, possui escamas por todo o corpo e sua voz lembra o som de sinos, ao andar tomam cuidado para não pisar em nenhum ser vivo sequer e se tornam agressivos para proteger um inocente de um mal intencionado

Ele pode cuspir fogo, andar sobre a grama sem danifica-la, e andar sobre a água falar usando telepatia e saber quando uma pessoa está falando a verdade. São criaturas livres e acabam por cometer suicídio caso sejam presas.

Durante festivais chineses, logo após a dança do dragão, há a dança do kirin, Caracterizada por fortes movimentos, explosões de energia, sons de pratos e gongos para espantar o maus espíritos e é praticada somente por lutadores experientes de kung fu

Fontes:
http://en.wikipedia.org/wiki/Qilin
http://it.wikipedia.org/wiki/Qilin
http://portal-dos-mitos.blogspot.com.br/2013/01/qilin.html

20 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 10

                Ice olhava incrédula para a Criadora morta, fadas puras poderiam causar uma dor indescritível, poderiam lançar feitiços apenas com pensamentos e sem se concentrar muito, porque ela não o impediu.- Sua imbecil!!!- Ela gritou- Porque não o impediu?
                -Eu precisaria mata-lo, uma fada pura nunca recorre a força bruta ou morte, foi uma lei decretada pela rainha das fadas, se quebrarmos essa lei, até mesmo eu, me tornaria uma fada humana.
                -Uma rainha deve cuidar do seu povo, não importa as consequências, por acaso é assim tão ruim para uma fada pura da realeza se tornar humana?
                A pequena rainha ficou em silencio, o bruxo que tinha acabado de destruir a Criadora abriu os olhos e disse:
                -Patético, mas acho que concordo com você, é muito melhor morrer do que se tornar um humano fraco, vou acabar com a sua dor majestade, uma fada pura não pode manter uma forma física, agora que a arvore não existe mais, se eu encostar apenas um dedo em você, seu corpo irá se desfazer, e você irá simplesmente desaparecer- Ele começou a se aproximar da rainha que fechou os olhos com força e sentiu o bruxo encostar na sua testa, porem nada aconteceu- O que? Qual o problema?!!!
                -É a nossa chance, vamos pegar a rainha e dar o fora daqui- Diere apareceu no buraco que foi aberto na parede, ela estava com a boca e as mãos um pouco sujas de sangue. Ela puxou a rainha Ariana- Majestade, de uma ordem de evacuação para todas as fadas puras, sem a árvore tudo irá desmoronar, precisamos ir para um lugar seguro.
                O bruxo rangeu os dentes de raiva virou para os outros- Vocês ouviram!!! Vamos embora, em breve não haverá mais nada por aqui...- Ele disse materializando uma capa e se retirando junto com os outro bruxos um pouco feridos.
                Ice e Diere ajudaram a pequena rainha a se levantar e a chamar as outras fadas enquanto aquele mundo de escurecia e despedaçava, o palácio, as casas, as arvores, tudo desabando, muitas fadas puras ficaram para trás durante a fuga, o portal estava se fechando para nunca mais abrir.
                -Eu não entendo, porque a rainha não desapareceu?- Uma das servas perguntou
                -Porque a Criadora não foi completamente destruída- Diere disse
                -Lovely...-Ice sussurrou- Compreende majestade? Você agora deve a sua vida a uma fada humana...- Ela disse com um sorriso malicioso. A rainha porem não respondeu, estava encolhida segurando o braço de Diere.
                -Deixe isso pra lá, vamos para casa, temos muito o que fazer.- Diere suspirou
                Enquanto isso Alex estava no castelo magictopiano, tinha acabado de acordar e estava se perguntando aonde todos haviam ido.
                -Nunca vi esse lugar tão quieto, tão... calmo, chega a ser relaxante- Ele disse abrindo um pacote de salgadinho- Ice não vai se importar se eu comer alguns... Alguma coisa muito ruim deve ter acontecido, não é normal este castelo ficar vazio.

                -O que está fazendo aqui Alexander- Uma voz de mulher disse fria e séria.

19 de dezembro de 2014

Amuletos: Tsuru

Tsuru é uma ave considerada sagrada no japão, simbolo da felicidade e da vida longa. Dizem as lendas que eles possuem poderes para não envelhecer e podem viver até mil anos, costumam fazer companhia para eremitas que meditam nas montanhas.

Se você fizer mil tsurus de papel, pensando em um desejo, esse desejo irá se realizar, Há uma historia que conta que depois da bomba de hiroshima, varias pessoas adoeceram, uma menina da 12 anos chamada Sadako, foi diagnosticada com leucemia e enquanto estava no hospital em fazia tsurus desejando a paz mundial. Ela morreu no 964, em 25 de outubro de 1955. os amigos dela completaram os tsurus que faltavam e começaram a arrecadar dinheiro para construir um monumento para a paz, que foi inaugurado em 1958, no parque da paz de Hiroshima.

Acho que... fazer tsurus é um trabalho que exige dedicação e paciência, é tipo como se dissesse, não basta apenas desejar, há um longo caminho até lá, e você pode querer desistir... Meh, estou viajando de novo.

Abaixo esta uma imagem ensinando a fazer tsurus de papel (eu nunca lembro como se faz um tsuru):
Algumas pessoas também costumam fazer vários, amarrar e usar como decoração.

Fontes:
http://www.significados.com.br/tsuru/
http://mhkono.blogspot.com.br/2011/10/dia-mundial-do-origami-e-tsuru.html

18 de dezembro de 2014

Kokkuri- san

Kokkuri é um jogo japonês de adivinhação, muito parecido com a brincadeira do copo, com a diferença de que se invoca um espirito especifico, o seu nome seria uma onomatopeia de cabecear de cima para baixo, o que eu me faz pensar em "algo" batendo na mesa... E isso é meio assustador, tipo hey... gente, tem alguma coisa embaixo na mesa...Dizem que ele é a mistura de uma raposa, um cachorro e um guaxinim, por isso ele pode ser brincalhão ou enganador

Basicamente há um papel com um torii (uma especie de portal vermelho, que geralmente leva a um santuário) desenhado no topo em vermelho, e escrever sim e não de cada lado do portal, embaixo colocar números de 0 a 9 e as letras do alfabeto.

Depois disso abrir a janela ou uma porta para deixar kokkuri san entrar, Coloque uma moeda sobre o torii kokkuri passará pelo portal vermelho. Cada pessoa deve colocar o dedo indicador na moeda e então dizer: Kokkuri-san, kokkuri-san, se você está aqui, por favor mova essa moeda.

Você pode perguntar o que quiser, kokkuri san não é um espirito perigoso, mas isso não o impede de mentir, enganar, ou dizer algo que você não queira ouvir, algumas pessoas podem ficar tristes caso não recebam a resposta que querem (lição de vida, não pergunte se não quer ouvir a resposta).

Depois que terminar as perguntas você dever pedir: kokkuri-san, kokkuri-san, por favor volte para casa, a moeda irá para o sim e depois voltará para o torii. Quando kokkuri san se for o papel deve ser destruido e a moeda deve ser usada antes do final do dia seguinte.

Isso me deu um pequeno flash da minha infância de quando eu tentei brincar de ouija... Alguém tinha me falado para brincar com.... que era mais seguro... Eu não me lembro o que era, acho que ele tinha dito kokkuri-san...Mas flashs de infância nunca são bem claros...bem tenho que ir, apareceu uma marca de mão na parede do banheiro e que quero assustar o meu primo com isso... (quem raios é tão alto para conseguir deixar uma marca lá em cima?)

Fontes:
http://mitologialendasjapao.blogspot.com.br/2013/12/kokkuri-san.html
http://creepypasta.wikia.com/wiki/Kokkuri-san
http://www.scaryforkids.com/kokkuri-san/

17 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 9

                -Ah, já estava esperando pela sua visita... Senhorita Giselle certo?-Giselle assentiu- Soube que está procurando aliados, qual seria o motivo?
                -Acredito que já esteja ciente dos acontecimentos recentes. Muita dor de cabeça por aqui? Vou ser direta, não acho que o feiticeiro chamado Leandro tenha feito nos exposto dessa maneira apenas por diversão. Ele mandou seus servos atacarem as duas escolas de bruxas, e acredito que estejam vindo para cá
                -Você disse um feiticeiro chamado Leandro? Hum... Apenas coincidência... É um nome muito comum...- O mago falava sozinho
                -Senhor...? Tudo bem?- Giselle perguntou confusa
                -Hum? Oh, sim, eu estou bem minha jovem, só estava perdido em pensamentos.
                -Hey, Giselle- Kaila gritou- O que é isso? –Ela disse apontando para desenhos na parede.
                -Oh, isso é uma lenda com uma antiga profecia, sabe, muitos povos gostam de cravar a sua historia em paredes de pedra por meio de desenhos, demoram mais tempo para serem destruídas com o tempo, e são mais fáceis de entender, ela diz que ninguém sabe como o mundo foi criado, então “eles” resolveram se colocar como deuses e esculpir a historia com o seu egocentrismo, assim cada um criou uma origem e as tribos foram se distanciando uma das outras até que esquecessem que eram todas irmãs. A profecia diz que um pequeno milagre irá conseguir uni-lás um milagre que crescerá como uma fênix até estar pronta.
                - O que significa?- Perguntou a fada
                -Significa que cada tribo criou suas próprias lendas em tordo de si mesmos e o mundo, meio que se colocando acima das outras tribos.
                -Sobre os tal feiticeiro, posso estar enganado, mas um conhecido meu do Brasil me contou sobre um pequeno feiticeiro muito talentoso na magia do som, tão talentoso que chegava a ser uma obsessão, poderia tocar e enfeitiçar qualquer musica escutando apenas uma vez, cantar, ou então apenas com o som de um sino, mas ele não possuía criatividade para criar as próprias composições, letras, ou feitiços, e isso misturado com sua obsessão, acabou por enlouquece-lo aos poucos, aparentemente com o passar do tempo ele se interessou por outras coisas, feitiços proibidos e perigosos, você já deve saber que criar um feitiço é algo muito complicado, pode se tornar irreversível ou ter consequências catastróficas...
                -Em geral quem costuma lançar maldições são fadas madrinhas, apenas para ensinar alguma lição para a pessoa que foi amaldiçoada, por isso sempre há uma maneira de se quebrar um feitiço, quando duas pessoas estão em um duelo de magia ou numa guerra, a única coisa que importa é matar o seu oponente, ou pelo menos deixa-lo indefeso, feitiços normais funcionam perfeitamente, um feitiço feito incorretamente pode causar um destino pior do que a morte.
                -Talvez seja melhor reunir as tribos novamente, senhorita Giselle, acredito que seja impossível desfazer o feitiço dos impuros, há algum modo de para-los?

                -Sim, existe um- Giselle sabia que os fragmentos da rainha das fadas puras poderiam afastar os impuros, mas eles eram usados para proteger o reino da rainha, ela nunca iria ceder aquelas joias e para criar novas a rainha provavelmente morreria no processo, tinha que haver outro jeito.

16 de dezembro de 2014

Video: Leitura de chá

Post especial, como eu tinha dito, eu realmente fiz um vídeo, ficou zoado? SIM!!! Mas é isso Eu não sei se vou realmente fazer um canal já que editar videos dá um trabalho do caramba e eles demoram muito para carregar, mas se um dia eu achar que deveria fazer outro vídeo, eu faço. Comentem o que acharam.



15 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 8

                -Lovely, é bom ver você novamente, desde que eu sai da escola, não parecia interessante continuar em Magictopia, então vim morar com a minha tia e a minha prima.
                -Tameria, acho que você já conhece a Giovana né? Esse é o Felipe, não precisa fingir agora, acho que vai ser pior caso você minta- Lovely disse olhando com o canto dos olhos para Giovana.
                -Sem falar que você é péssima em mentir- Completou Giovana que tinha percebido tudo
                Tameria soltou um suspiro- Está preocupada?
                -Muito, é sobre aquele amuleto da lua, e talvez algumas informações sobre os amuletos.
                -Dara não havia confiscado? Ela confiscou varias criações minhas por serem muito perigosas, por isso eu fui embora.
                Lovely retirou um broche da bolsa, provavelmente feito de prata, parecia uma moeda com quatro símbolos marcados nela, lua nova, crescente, cheia e minguante- Quero que explique como se usa.
                -Basicamente prender perto do peito da pessoa serve, mas acho que você quer algo mais... permanente
                -O que é isso?- Felipe ficou olhando para o broche
                -Amuleto contra licantropia, acredito eu- Giovana respondeu.
                -O amuleto perde os poderes caso seja retirado da pessoa, para ser definitivo, você deve abrir o peito dele e prender o broche no coração dele, não se preocupe, o broche não irá machuca-lo.
                -Só isso?- Lovely perguntou um pouco desconfiada
                -Ah, sim, e você deve fazer isso enquanto ele estiver transformado.
                -... O QUE!!!!!!???? FICOU LOUCA DE VEZ?!!! PORQUE NÃO MANDA A GENTE PULAR CORDA CRUZADA DE COSTAS COM UMA PERNA SÓ?!!!! COMO ESPERA QUE A GENTE FAÇA ISSO???
                -Você pode criar flechas que paralisam qualquer tipo de ser vivo e a sua prima tem uma espada que pode cortar qualquer coisa, imobilizar e abrir um lobisomem será moleza- Tameria disse calmamente.
                -C-certo- Lovely tremeu- Já que é assim... será que poderia fazer algumas alterações no meu arco... tipo para ele acertar o alvo magicamente?
                -Infelizmente isso não é possível para mim- Ela disse um pouco decepcionada- Sou ótima para criar armas curiosas e diferentes, mas sempre acabo cometendo algum descuido aqui e ali, fazer o que? Ainda estou treinando. Uma arma feita por um anão adulto completamente formado é algo impressionante aos olhos de humanos, mas uma arma forjada pelas mãos do destino, é algo que não se pode descrever.
                -O que isso significa?- Giovana perguntou indiferente.
                -Apenas um ditado entre anões
                -Lovely, nós não tínhamos que ir visitar outras tribos?- Giovana perguntou- Nós ficamos com os mais cabeças duras, caçadores, cavaleiros, amazonas...
                -Nós íamos, mas por algum motivo Horkeus e Samanta imploraram para eles mesmos visitarem as capitais... Nunca tinha visto o Horkeus implorar, principalmente para uma garota... Também nunca tinha visto a Samanta implorar... Eles pareciam muito nervosos.
                -Deve ser por causa da cultura deles...Escravidão não é algo que as pessoas aceitem facilmente.
                -Nós fomos selecionadas para essa missão porque poderíamos lidar melhor com as diferenças entre as tribos, eu acho...
                -Eu já perdi a fé na humanidade mesmo, nada do que eu veja pode me surpreender- Giovana percebeu que Lovely não estava prestando atenção- Lovely? Você está bem?

                -Hum?- Ela disse acordando- Não sei, alguma coisa me diz para voltar para casa, deixa pra lá...

13 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 7

                -Quem são vocês?- A rainha disse se levantando do trono- Com que direito entram aqui?
                -Calada pirralha- Ele disse passando reto sendo seguido por vários outros bruxos- Rápido, aquelas duas podem ser um problema, acabem com elas.- Apontou para Ice e Diere.
                Ice desprendeu os cabelos e sacando a espada de cristal. Não deu tempo de se esquivar, ou qualquer coisa do tipo, o bruxo que veio correndo não viu a espada se transformando e quando percebeu já havia sido cortado ao meio. Ice ficou suja de sangue e um tanto quanto paralisada.
                O líder apenas suspirou dizendo- Idiota... Quem em sã consciência corre como uma besta na direção do inimigo.- Ele ordenou que duas bruxas lutassem contra Ice e Diere e levou o resto do grupo para a Criadora.
                -E-eu não quero te machucar- Diere disse um pouco nervosa, ela olhou para Ice que ainda estava paralisada- Mas... acho que não tenho escolha- Ela disse fazendo os caninos crescerem e ganhando um olhar selvagem.
                O líder se aproximou da árvore com um sorriso perverso no rosto- A Criadora, uma espécie de deusa entre as fadas, uma mãe talvez, a fonte dos poderes, sem ela, as fadas iriam definhar até desaparecerem.
                -Por que está aqui?- perguntou a rainha séria- Quem te mostrou o caminho?
                -Aqueles que vocês chamam de “impuros”, quando eles destruíram a escola pensei que a minha vida iria acabar ali, mas eles me deram uma chance.
                -Eles te deixariam vivo e te transformariam em um impuro caso viesse aqui e destruísse a criadora.
                -Aparentemente a única coisa que enfraquece um impuro só existe nesse mundo, o centro desse mundo é essa árvore, se ela for destruída, esse mundo irá ruir. Sem falar que iríamos no livrar de vocês para sempre.- Ice foi arremessada e rolou pelo chão por causa de um feitiço.
                -Não irei permitir.
                -Se quiser mesmo me impedir terá que me matar, mas você não irá fazer isso não é mesmo? Mesmo sendo da realeza você não pode matar, vocês são tão patéticas, caso me mate você iria virar
                -Humana- A rainha tremeu ao falar
                -Faça alguma coisa!!!- Ice gritou enquanto lutava com a outra bruxa- Não deixe que ele destrua-

                -Putrescat omnia, Destrua essa árvore na minha frente- Ele disse retirando uma varinha e tocando o chão com ela, linhas verde escuro começaram a se espalhar pelo chão apodrecendo tudo que tocavam a rainha estava paralisada, sem saber o que fazer, ela viu a Criadora perdendo o brilho e secando até morrer.

11 de dezembro de 2014

Horóscopo chinês

Diferente do horoscopo que conhecemos, o horoscopo chines é dividido em doze anos (há mais alguns detalhes sobre isso), ao inves de doze meses e ele usa o calendario lunar, o anos novo chines costuma acontecer entre janeiro e fevereiro.

Conta a lenda que um dia Buda chamou todos os animais para uma festa de ano novo e prometendo um presente para cada um. O gato e o rato que até agora eram amigos, combinaram de que o primeiro a se levantar, iria acordar o outro. Mas no dia, o rato viu o boi indo para a festa e pulou nas costas dele, indo de carona e esquecendo completamente o seu amigo. Por causa disso o gato não aparece no zodíaco chines e os dois se tornaram inimigos.

Exitem 4 pilares principais no horoscopo chines, cada um representando um características do individuo de algum ponto de vista, eles são o ano, o mês, o dia e a hora

O ano representa as relações familiares e sociais, alem do relacionamento com os avós

1900, 1912, 1924, 1936, 1948, 1960, 1972, 1984, 1996 — RATO
1901, 1913, 1925, 1937, 1949, 1961, 1973, 1985, 1997 — BÚFALO
1902, 1914, 1926, 1938, 1950, 1962, 1974, 1986, 1998 — TIGRE
1903, 1915, 1927, 1939, 1951, 1963, 1975, 1987, 1999 — COELHO
1904, 1916, 1928, 1940, 1952, 1964, 1976, 1988, 2000 — DRAGÃO
1905, 1917, 1929, 1941, 1953, 1965, 1977, 1989, 2001 — SERPENTE
1906, 1918, 1930, 1942, 1954, 1966, 1978, 1990, 2002 — CAVALO
1907, 1919, 1931, 1943, 1955, 1967, 1979, 1991, 2003 — CABRA
1908, 1920, 1932, 1944, 1956, 1968, 1980, 1992, 2004 — MACACO
1909, 1921, 1933, 1945, 1957, 1969, 1981, 1993, 2005 — GALO
1910, 1922, 1934, 1946, 1958, 1970, 1982, 1994, 2006 — CÃO
1911, 1923, 1935, 1947, 1959, 1971, 1983, 1995, 2007 — PORCO

O mês representa informações sobre os pais ou a nossa infancia, de certa forma ele define as consequencias da vida adulta.

04/Fev – 05/Mar: Tigre
06/Mar – 04/Abr: Coelho
05/Abr – 04/Mai: Dragão
05/Mai – 05/Jun: Serpente
06/Jun – 06/Jul: Cavalo
07/Jul – 06/Ago: Cabra
07/Ago – 07/Set: Macaco
08/Set – 07/Out: Galo
08/Out – 06/Nov: Cão
07/Nov – 06/Dez: Porco
07/Dez – 05/Jan: Rato
06/Jan – 03/Fev: Boi

O dia nos trás informações sobre a pessoas, sua vida adulta e sua vida em casal. Porem ele não possui um ciclo fixo, ficando difícil de se calcular uma tabela com todos os signos. Ele começar quanto o sol está nos 315º e termina quando ele alcança os 330º (sim eu também não sei calcular isso, mas basicamente é quando ele forma um angulo de 315º com o chão... ou 45º)

A hora fala sobre o verdadeiro eu da pessoa e suas contribuições para o mundo, ela também é conhecida como animal secreto, ou então signo ascendente e é baseada no fuso horario de Pequim.

23:00 – 00:59: Rato
01:00 – 02:59: Boi
03:00 – 04:59: Tigre
05:00 – 06:59: Coelho
07:00 – 08:59: Dragão
09:00 – 10:59: Serpente
11:00 – 12:59: Cavalo
13:00 – 14:59: Cabra
15:00 – 16:59: Macaco
17:00 – 18:59: Galo
19:00 – 20:59: Cão
21:00 – 22:59: Porco

Há também os cinco elementos da composição do universo, metal, madeira, água, fogo e terra (assim como nó temos a água, fogo, terra e ar no nosso horoscopo), Todo o ano possui um signo e um elemento isso muda de acordo com o ultimo numero do ano. (eu por exemplo nasci no ano do cão madeira)

0 ou 1: Metal
2 ou 3: Água
4 ou 5: Madeira
6 ou 7: Fogo
8 ou 9: Terra

Bem foi isso, ficou mais longo do que eu esperava, realmente a semana de provas quase me deu um treco (e isso que eu nem achei as provas tão difíceis...)

Fontes:
http://www.horoscopochines.net/artigo/entenda-como-funciona-o-horoscopo-chines/
http://pt.wikihow.com/Ler-seu-Hor%C3%B3scopo-Chin%C3%AAs

10 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 6

                -A-aqueles traidores, principalmente aquela va- A bruxa gemeu de dor segurando o estomago- Eu praticamente a criei- Ela disse raspando as unhas no chão.
                -Os impuros- Giselle tremeu
                -Vieram se fazendo de fracos, se ingênuos, mas foi só virarmos as costas que todos eles nos atacaram, um poder que eu nunca presenciei, parecia muito antigo.
                -Eles são muito fortes mas estavam se fazendo de fracos para não chamar a atenção de ninguém até que atingissem um grande numero.
                -Eles estão vindo para cá!- Kaila gritou apontando para um grupo relativamente pequeno de bruxos se aproximando liderados pela ex-aprendiz, Susti.
                -Existe algum meio de dete-los?
                Giselle se lembrou do ataque realizado na cidade, ninguém havia morrido, nenhum corpo tinha sido encontrado, todos saíram correndo quando Dara utilizou a pedra, estavam fingindo fraqueza, a única coisa que poderia dete-los era uma pedra daquelas.
                -Precisamos fugir daqui- Giselle disse puxando Kaila pelo braço- Até termos um plano, não temos como enfrenta-los desse jeito. Eu tinha vindo aqui buscar aliados.
                -Se for para me vingar daquela ingrata- a avó começou a dizer- Você tem a minha ajuda.. Argh!!!- Ela disse ainda se contorcendo por causa das dores
                -Sim, mas primeiro você precisa descansar- A diretora disse um tanto quanto preocupada
                -Porque está tão preocupada comigo? Se eu morrer você terá uma inimiga a menos para se preocupar
                -Bruxas boas não deveriam querer o mal até mesmo para seu pior inimigo, sem falar que é desonroso matar alguém que não pode se defender.- Ela se virou para Giselle que já estava se preparando para ir embora- Preciso conversar com o conselho de bruxas para decidir o que fazer, vamos retirar todos os alunos daqui, e criar uma ilusão para despistar os chamados “impuros”, precisa de alguma ajuda meu anjo?
                -Tenho uma amiga procurando aliados na Irlanda, de certo modo... Preciso visitar a capital dos magos e dos feiticeiros.
                A diretora permaneceu pensativa por um momento- Você não terá problemas em encontrar o conselho de magos, assim como nós eles gostam de viver em lugares altos para ficar perto do sol e da lua, Inglaterra, um prédio bem alto, para falar a verdade. Já os feiticeiros... Isso torna tudo mais complicado, Feitiçeiro costumavam ter o Egito como capital, mas com o passar do tempo todos eles abandonaram a capital e foram viver em outros lugares.
                -Então não há um líder...
                -Feitiçeiros sempre causaram muitos problemas, você não conseguirá muita coisa visitando a capital deles...- Ela ficou em silencio por um momento- Melhor eu me calar, certas coisas não devem ser ditas em voz alta.
                Giselle concordou- Sim, obrigada pelo aviso, vamos Kaila- Ela disse levantando voo. “Espero que a ice tenha mais sorte do que eu”
                -Não.- A rainha disse decidida sem nem ao menos se mover do trono.
                -Como assim não?- Ice perguntou indignada- Tem um maluco prestes a dominar o mundo e a única coisa que pode acabar com eles é um desses cristais- Ice disse apontando para um pequeno cristal no centro da sala
                -Esses cristais foram um presente da minha antecessora, eles protegem o reino, ela deu a própria vida para cria-los
                -Então crie novos.- Ice disse cruzando os braços
                -Vou repetir: Ela deu  a própria VIDA para cria-los
                -Como se você soubesse o significado de vida, quando vocês morrem simplesmente retornam para a árvore, quase como se fosse um adubo- Ice provocou com um sorriso, Diere a cutucou se mostrando decepcionada
                -Sinto muito magestade pela grosseria da minha... Parceira, mas é realmente importante, vocês foram as únicas que descobriram um jeito de derrotá-los.
                -Não é do meu interesse ajudar o mundo de vocês, os impuros são problema de vocês, não nosso, se virem
                -Como podem dizer isso? Lovely ajudou vocês quando precisavam, ela nem ao menos te conhecia, foi por pura bondade, ela não pediu nada em troca.
                -Esquece Diere, essa monarca egoísta não vai levantar o traseiro do trono, elas já nos abandonaram uma vez, porque iriam nos ajudar agora? Se eu estiver bem o resto que se ferre, não é?- Ice disse se retirando até que deu de cara com um bruxo.

                -Já tinha ouvido boatos sobre esse lugar, realmente esperava muito mais coisa, lugarzinho acabado viu?

9 de dezembro de 2014

Poções: Leitura de chá

Não é por nada não, eu até gosto de vinhos e outras bebidas alcoólicas, mas porque as aulas precisam ser tão complicadas, bem eu estava escrevendo esse post na minha ultima semana de provas e estou pirando de tanto nervosismo... Promessa de ano novo: ser mais independente e responsável...E arrumar um emprego...

Convite para Chá com Jane Austen
Hoje eu resolvi falar sobre leitura de chá (Duh, grande coisa, você tinha comentado isso no fim do post da semana passada). Dizem que esse costume surgiu na China onde os imperadores usavam para prever o futuro.

O chá deve ter um pouco de pó alem das folhas, e deve ser feito sem filtro, o chá é então colocado junto com as poeira e as filhas numa xícara de preferencia branca, com bordas largas e inclinadas. A pessoa então deve beber o chá e deixar um pouco de liquido no fundo, com a mão oposta a que você escreve gire a xícara no sentido horário três vezes pensando na sua pergunta. Esse movimento deve fazer com que as folhas de espalhem pelas paredes e borda da xícara.

A xícara:
A borda representa o presente, ou seja os eventos que estão prestes a acontecer
As paredes representam o futuro
O fundo representa um futuro distante
A alça representa a casa ou o ambiente da pessoa que está lendo, quanto mais próximo o simbolo estiver da alça, mais importante é esse evento

Os símbolos:
Os números representam o tempo, isso pode significar de minutos até anos dependendo da ligação com os outros símbolos.
Letras simbolizam pessoas, conhecido, amigos, parentes, etc...
pontos pequenos indicam viagem, e pontos grandes ganho de dinheiro por meio de esforço extra.
Linha onduladas indicam incerteza, e linhas retas, planos já definidos.
Símbolos claros e definidos indicam boa sorte, já os símbolos mal esboçados podem indicar obstáculos ou indecisão.
Estrelas e triângulos, anunciam sorte
E circulo indica sucesso

Nas fontes deste post tem o blog gato mistico com uma lista de vários símbolos e seus significados de acordo com o lugar onde foram representados.
To pensando também em começar um canal no youtube, sobre magia, já que eu não encontrei muitos canais de magia no youtube, o primeiro vídeo seria sobre leitura de chá mesmo, o que acham?

Fontes:
http://gatomistico.blogspot.com.br/2010/08/leitura-na-xicara-de-cha-como-fazer.html
http://www.ehow.com.br/ler-futuro-nas-folhas-cha-como_107759/
Imagem:
http://www.janeausten.com.br/2008/07/convite-para-um-cha-especial/

8 de dezembro de 2014

Como tudo começou- Capitulo 5

                -Kaila... me explique novamente... como você explodiu a parede?- Giselle perguntava olhando para o enorme buraco na parede com queimaduras nas bordas e com o concreto soltando um pouco de fumaça.
                -Eu estava tentando criar uma bola de fogo azul, mas acabei espirrando e... Ela acertou a parede.
                -Quantas vezes eu preciso dizer, nada de usar os seus poderes em lugares fechados, você pode liberar gases tóxicos, fuligem e fumaça.
                A diretora da escola de bruxas fez apenas um gesto com o dedo e a parede começou a se reconstruir sozinha. Ela sorriu de forma gentil para a fada do fogo e disse
                -Acho que uma chama laranja combina muito mais com você, meu anjo, deveria tentar dar formas diferentes ao fogo.
                Giselle queria dizer para a bruxa mais velha para não dar ideias, mas não queria desrespeitar a diretora.
                -Sinto muito pela explosão, ela ainda é pequena- Giselle se desculpou se curvando-
                A diretora sorriu pacientemente, uma cadeira deslizou até o corredor onde as três estavam e parou atrás da bruxa mais velha.
                -Está tudo bem- Ela disse se sentando- Puxa... Estou ficando velha, ela me lembra uma fada da terra que veio aqui acompanhada de um dos meus alunos com um pedido curioso.
                -Lovely? Ela veio aqui? Quando?
                -Já faz alguns meses acredito eu, ela pediu que atacássemos ela, o meu aluno não quis dizer o porque disso, ela se machucou um pouco, e ficou com algumas queimaduras leves nos braços, ainda não entendo porque ela queria aprender tão rapidamente a segurar energia com as próprias mãos.
                -E-energia? Com as mãos?
                A diretora notou o tom de preocupação em Giselle.- Sim, ela disse que precisava ajudar uma amiga. Não sei se entendi direito os motivos
                “Ela estava tentando me ajudar, se eu tivesse falhado em proteger a Criadora... Ela não poderia ficar parada, mas queria me dar uma chance de consertar tudo.” Giselle sorriu- Ela é legal as vezes- Giselle disse olhando para Kaila que observava o lado de fora da janela- “Lovely deve ter se esforçado muito para aprender a controlar a energia da criadora e retirar uma muda da árvore... Não... não há nada que confirme que a Lovely realmente esteve na escola de bruxas, a diretora só disse que uma fada da terra que lembrava a Kaila, nada mais...”
                -Giselle...- Kaila disse com um pouco de medo apoiada na janela- Parece que temos visitas
                -Quem é?- Giselle perguntou confusa
                -A sua avó...- Ela disse apontando para um pequeno grupo de bruxas. A diretora se aproximou da janela fazendo com que um binóculo aparecesse nas suas mãos preso por uma haste, dava um toque elegante. Ela olhou pelo binóculo ficando mais preocupada.
                -Elas não parecem bem, parecem que estão prestes a cair- Ela chamou um guarda e ordenou que as deixasse entrar
                -Senhora... Ela podem estar fingindo
                -Seria muita falta de criatividade fingir que estão feridas, e invadir uma escola repleta de bruxas. Mas de qualquer forma, não abaixe a guarda nem por um segundo.
                Giselle se aproximou observando os ferimentos da sua avó com cuidado, era muito profundos para ser apenas fingimento- Quem fez isso com vocês?

7 de dezembro de 2014

Mitologia: Baku

Cara... Se tem um dia que eu odeio, é domingo, que dia mais sem graça, passar roupa, estender a roupa, ouvir a minha mãe gritando comigo, nada de bom no you tube, sei lá, domingo tem um clima de: Ha ha, amanhã é segunda-feira e você vai ter que acordar cedo, não tem nada de bom passando e nada de bom para fazer. Num domingo é melhor nem olhar na minha cara...

Baku é uma criatura de origem chinesa,, também muito conhecido no folclore japonês, ele é muito semelhante a uma anta, descrito como tendo corpo de urso, patas de tigre, tromba de elefante, cauda de boi e olhos de rinoceronte (não... O que raios os olhos de um rinoceronte tem de diferente dos outros animais?, se fossem olhos de camaleão seria compreensivo... mas rinoceronte??!!!) Na China antiga ele era descrito como um bode com nove caudas, quatro orelhas e olhos nas costas (eu preciso desenhar isso).

Uma de suas habilidades mais conhecidas é o de devorar pesadelos, maus espíritos causadores de doenças e a má sorte, as pessoas ao acordar de um pesadelos dizem três vezes: Dou o meu sonho para Baku comer. Outras vezes se é colocado a imagem do Baku nos ornamentos das camas ou então o kanji pintado de dourado em travesseiros da nobreza. Dormir sobre a pele de um, manteria o infortúnio longe (apesar de que acho que usar a pele de um animal sagrado como cama deve dar uma má sorte do caramba... minha opinião é claro)

Ele usa a sua tromba para sugar os pesadelos e em seguida os transforma em boa sorte (ou seja ele caga sorte... Não precisam levar esse comentário a sério). Mas você não dele olhar para um baku enquanto ele se alimenta ou então você terá pesadelos devido ao choque de sua aparência.
Apesar de tudo há algumas versões que contam que o baku não devora apenas pesadelos, mas sonhos bons também, isso também pode causar problemas as pessoas é por causa dele que nem sempre lembramos nossos sonhos (isso me lembra que faz muito tempo que eu não tenho um sonho realmente interessante).

Dizem que ele foi feito com as peças que sobraram no final da criação, por isso a aparência bizarra e por ele ser tão especial para os deuses.

Fontes:
http://yokai.com/baku/
http://elyoukaidiario.blogspot.com.br/2012/03/baku-devorador-de-suenos.html
http://medob.blogspot.com.br/2012/05/monstros-japoneses.html