24 de agosto de 2015

Como tudo começou- Capitulo 44

                -Vou perguntar pela ultima vez... Por que matou Leandro?
                Teria sido melhor se Giovana a estivesse interrogando? Ser interrogada por um estranho realmente a deixou mais assustada do que deveria...Mas Lovely tinha que admitir, a maldição que Leandro lançou era impressionante...O gosto da poção da verdade ainda estava na sua boca, porém não importa o que ela dissesse esse homem na frente dela não acreditava...
                -Ele era o seu aprendiz?
                -Não mude de assunto!!
                -Você está com raiva de mim por ter matado ele?
                - Não zombe de mim.
                Ela tinha desistido de usar frases afirmativas, ela poderia mentir e acabar com isso, mas a poção da verdade não a deixava.
                -Ele era como um filho para você? Me matar não é o suficiente certo? O que você quer?
                Ela sentiu o efeito da poção passar, era a hora...
                - Quero que me diga  porque o matou,o que vai acontecer depois será problema seu.
                Ela respirou fundo e começou:
                -Eu tinha inveja de todos ao meu redor, e quando Leandro quebrou o meu amuleto eu havia perdido a única coisa que me fazia especial, que eram os meus poderes, quando ele me ofereceu a chance de se juntar a ele, eu sabia que alem de recuperar os meus poderes, eu poderia me vingar daquele idiota.
                Não havia maneira de alguém acreditar naquilo havia varias brechas na historia de como ela conseguiu o arco e flecha de volta, ou como ela se encontrou com Leandro, mas Lovely tinha a suspeita de que daria certo.
                -E para isso você quase matou a sua própria prima
                -Eu precisava da confiança dele, e sem falar que como impura eles nunca me aceitariam de volta... então eu estava pensando em tirar Leandro do trono e assumir. Infelizmente os impuros eram bem leais a ele e se recusaram a me seguir. Então quando vocês nos atacaram, Leandro abriu um portal no espelho e estava ajudando os impuros a escapar. Já que seria assim eu resolvi quebrar o portal e prender todos eles no palácio... Apesar de tudo Leandro se preocupava com os seus seguidores.
                O rosto do velho estava ficando pálido, mas Lovely precisava continuar
                -Nós nos jogamos da janela e caímos no salão, ele disse que estava tudo acabado e que iria pedir perdão e assumir a responsabilidade, foi quando Ice nos interrompeu, depois disso ele tentou fugir pela sala seguinte, mas ela não dava a lugar nenhum, nesse ponto ele já havia aceitado o seu destino. Antes de morrer ele disse: Eu gostaria de voltar...

                O homem continuou encarando Lovely até que se levantou, agradeceu e foi embora. Lovely olhou para o teto e suspirou- Que assim seja...

Nenhum comentário:

Postar um comentário