12 de novembro de 2014

Como tudo terminou- capitulo 9

                -Nunca pensei que teria que vir aqui para isso- Diere disse cobrindo os olhos com uma venda e entrando em uma caverna- Sonar de morcego- Ela disse e soltou um grito mudo para se guiar- Ana? Você está ai?- Diere ouviu algo se mover atrás dela uma menina de cabelos de serpente e olhos de lagarto estava parada atrás dela, as serpentes estavam presas em um rabo de cavalo.
                -Diere, você veio brincar comigo de novo?- Ela perguntou inocentemente
                -Não, eu preciso de um favor, vou te tirar dessa caverna por um tempo, coloque isso- Ela disse retirando um par de óculos da bolsa.
                Ice e Alex não tiveram tempo de pensar em um plano melhor para combater Gabriela.
                -Ainda não entendi porque você não quer contar onde a Lovely estava para conseguir se meter nessa encrenca, e como ela conseguiu se meter nessa.- Ice dizia enquanto observava o mapa- Isso esta tudo errado, quem foi o boca aberta que fez esses feitiços?!! Como eu vou descobrir onde a Gabriela vai estar nessa bagunça?
                -Hum- Alex disse olhando para um vidro de poção.
                -Já não esta pronto? Eu vi a Diere pingando uma gota do próprio sangue ai, não vai beber?
                -Quando ela me entregou a poção ela disse: Você não precisa dessa poção para vencer a sua irmã.
                -AH!!! FAÇA-ME O FAVOR!!!- Ela disse furiosa arrancando a poção das mãos dele e fazendo ela beber goela abaixo- Isso é uma guerra, não um conto de fadas, Gabriela NÃO PODE sair daqui viva.
                -Sim eu sei... Mas você poderia ser mais sensível, ela ainda é a minha irmã.
                -Isso é realmente muito fofo, mesmo depois de tanto tempo você ainda pensa em mim Alex?- Gabriela disse sorrindo calmamente sentada num banco. Ice empunhou a espada e correu na direção de Gabriela que simplesmente desapareceu.
                -Ela está mais rápida!!!- Alex disse ficando ao lado de Ice
                -Não me diga.- Ela disse olhando para os lados procurando por Gabriela
                -Também estou mais forte- Ela disse aparecendo atrás de Ice, antes que ela pudesse fazer qualquer coisa, Gabriela a acertou com força o suficiente para arremessa-la para o outro lado do pátio. Em seguida tentou acertar Alex com o cotovelo, mas ele conseguiu bloquear.
                -Você é realmente muito patética Gabriela- Ice disse se levantando- Seu irmão pode ser patético, mas você conseguiu supera-lo. Viveu como uma barata durante séculos, e comia como um porco. Se eu tivesse os seus poderes e a sua apatia, eu teria dominado o mundo, já estaria vivendo como uma rainha, mais de 500 anos e ainda se alimentava de pobres coitados que passeavam a noite pela rua.
                -Cale a boca- Ela disse tentando acertar Ice novamente, mas Alex sempre se metia na frente.
                -Sua vida, se é que eu posso chamar assim, não tinha sentido, era simplesmente sobreviver...

                -EU MANDEI CALAR A BOCA!!!!!- Ela disse dando um soco no rosto de Alex e quebrando o braço de Ice antes que ela pudesse usar a espada, Ice gritou de dor e segurou o próprio braço.

Nenhum comentário:

Postar um comentário