22 de novembro de 2014

Como tudo terminou- capitulo 13

                Por algum motivo Giselle havia chamado todos para uma reunião. Num lugar seguro é claro. Lovely estava sentando em uma cadeira, Giselle encostada na parede, Ice e Kaila sentada no chão. Diere e Alex estava no sofá.
                -Quem nós estamos esperando mesmo?- Ice perguntou
                -Será que eu posso sair daqui? Eu to ficando meio que nervosa, principalmente porque... Tipo... Sei lá, o dia inteiro sempre que eu me distraia, quando me dava conta eu estava amarrada.
                Giovana entrou na sala fuzilando Lovely com o olhar, e perguntou irritada
                -O que ela está fazendo aqui?!- Giovana perguntou para Giselle enquanto apontava para Lovely.
                -Eu também adoraria ir embora... Me enfiar debaixo do meu cobertor e não sair até o próximo milênio...- Lovely disse se levantando.
                -Lovely...- Giselle disse cruzando os braços- Temos muito a que discutir, primeiro sobre o interrogatório que Giovana aplicou em você hoje de manhã, Ela usou uma poção da verdade
                -Vocês deveriam ter visto como ela falava de maneira tão fria e...
                -Você deveria saber que poções da verdade fazem com que a pessoa não consiga demonstrar emoções, ela simplesmente fala a verdade, e quando se trata de emoções, as coisas ficam mais difíceis de se definir.
                Lovely se levantou tentando ser discreta, parou ao lado de Giovana e cochichou
                -Olha... Eu não te falei antes porque... Eu só descobri isso agora... Não conta para ninguém...
                -Eu fiz uma poção que pode obrigar uma pessoa a falar a verdade, sem que ela se torne indiferente, poderia até falar o que sente pelas pessoas ao seu redor. Se vocês quiserem podemos interrogar a Lovely novamente
                -Ou eu posso falar a verdade por livre e espontânea vontade... – Ela disse um tanto nervosa. Giselle e Giovana trocaram olhares e forçaram Lovely a beber a poção.
                -Desculpe Lovely, mas vai demorar um tempo até que possamos confiar completamente em você de novo.- Giselle disse a ajudando a se levantar
                Ice se aproximou de Alex e perguntou- E quando foi que nós confiamos completamente nessa ai?
                -Lovely? Como se sente?
                -Completamente humilhada, Você fez uma poção da verdade muito melhor do que qualquer uma que eu já fiz.
                -Não foi para isso que estamos te interrogando- Giovana disse- Como sabia que o Alex viraria humano? E se sabia, porque disse que iria mata-lo?
                -Dara ordenou... Mas eu juro que eu não queria fazer isso de verdade. Dara possui um conhecimento milenar, ela não costuma se apegar a coisas pequenas, ela queria que você transformasse uma pessoa em vampiro, essa pessoa consequentemente iria criar outros vampiros.- Ela fechou o olhos tentando esconder lagrimas que estavam se formando
                -Porque a Dara iria querer algo assim
                -Equilíbrio- Giselle disse séria- Há humanos demais na terra, precisam de um predador natural, ela estava usando o Alex apenas como um peão, e você Lovely... era uma torre
                Lovely fechou os punhos com força- Alex não seria mais necessário se isso acontecesse e poderia ser morto, eu me ofereci para mata-lo.
                -Porque você é uma serva de fadas como a Dara certo?- Giovana disse parando na frente de Lovely.
                Lovely se levantou e acertou com força o rosto de Giovana que caiu no chão.
                -É CLARO QUE NÃO!!!! VOCÊ NÃO SABE DE NADA! POR ACASO TEM IDEIA DO QUE É QUERER PROTEGER UMA PESSOA DE TUDO, E DESCOBRIR QUE O ÚNICO MODO DE FAZER ISSO É A MATANDO???!!- Ela gritou olhando para Giovana até se acalmar- Não me parecia justo então eu mudei os planos...
                -Uma nova vida espera aquele que for salvo pela dama de coração frio... Eu tinha te contado- Alex disse
                -Quando eu estava sendo torturada... Teve um momento que eu poderia ter matado facilmente a sua irmã, mas ela fez algo que eu me impediu...
                -E o que foi?- Ice perguntou ainda assustada por causa do soco que Giovana tinha levado.
                -Bateu a minha nuca varias vezes na parede

                -Você é muito inútil, Lovely- Ice disse batendo na própria testa com a palma da mão

Nenhum comentário:

Postar um comentário