11 de fevereiro de 2013

Escola de Bruxas-Capitulo 9


                -Precisamos entrar na sala- Lovely disse  passando a mão na própria nuca.
                Ice e Diere arrastaram Lovely até a sala que estava completamente destruída por causa da explosão, no centro de um circulo queimado estava Giovana com as asas ainda presas, Ice cortou a algema com a sua espada de cristal.
                -Agora pode me explicar o que foi que aconteceu?- Ice disse amarrando o cabelo com a espada
                -Giovana foi descoberta, os bruxos eliminam as fadas assim que a encontram, mas quando se trata de eliminar outras bruxas, elas preferem fazer todo um ritual...
                -Ótimo, vão executa-la na frente de todas as outras bruxas- Giovana disse encolhendo as asas de volta nas costas
                -Tem mais... Antes da troca, eu joguei uma pedra que abre um portal para cá, assim ela podia abrir o portal e nós passaríamos por ele e iríamos ajudar ela... mas agora eu estou pensando que não foi uma ideia tão boa porque as bruxas poderiam vir para cá.
                -Precisamos avisar a Dara- Diere disse
                -ESQUEÇA A DARA!!!- Giovana gritou se levantando e abrindo as asas- Ela não se importa conosco, ela não se importa com a Giselle, ela só se importa com as irmãs puras dela.
                Alcem passava pelo corredor naquela hora, normalmente os clubes secretos do corredor sem fim eram protegidos contra paredes com ouvidos, mas por causa da explosão o feitiço havia enfraquecido.
                -Dara precisa saber disso- Ele disse saindo do corredor antes que elas saíssem da sala
                Giselle caminhava por um longo tapete preto, vários bruxos e bruxas a vaiavam enquanto atravessava o salão de mármore branco, ela usava um vestido branco de alças com a barra um pouco rasgada, três bruxas anciãs lançavam olhares arrogantes para ela. Giselle sabia que bruxas anciãs eram realmente fortes seja lá o que fizessem com ela, não seria coisa boa.
                -Que bom que veio visitar a vovó, Giselle. Agora... Me diga de onde você conhece aquela sua amiga fada?
                Giselle virou o rosto sem responder. A bruxa segurou o queixo dela.
                -Vai ficar muda? Muito bem, como desejar... Por séculos as bruxas estiveram divididas entre bem e mal, a lua e a mariposa. Enquanto a “lua” segue buscando cada vez mais aliados, as “mariposas” a cada dia tendo que lutar para que sobreviva a mais forte.
                -Se fossem tão fortes assim já teriam arrumado um modo de encontrar o portal sozinhas.
                -Você acha mesmo?- Ela disse raspando a unhas no pescoço de Giselle- Muitas de nós procuraram, mas somente uma fada pura consegue entrar. Ou então algo bem próximo, como um pequeno grupo que encontrei no Brasil, eles poderiam atravessar o portal se não fosse por cristais que as fadas puras criaram. O cristal não afeta bruxas normais, mas nós não podemos encontrar o portal.
                -É porque só uma fada pura pode abri-lo.
                -É ai que você entra- Ela disse se levantando- Coloquem ela numa sela, logo logo as amigas dela vão vir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário