30 de janeiro de 2013

Escola de bruxas- Capitulo 6


                -Porque vocês anotam as coisas, pensei que a grande maioria dos bruxos podia memorizar coisas facilmente.- Giovana observava o bruxo terminando de anotar.
                -Às vezes nós esquecemos coisas quando mais precisamos, por isso eu anoto as coisas mais importantes em um caderno a prova de água, fogo, ou encantamentos...
                Giovana parou e olhou para o lado, eles estavam passando perto da sala da diretora
                -Ouviu isso?- Ela disse
                -O que?
                -As anciãs estão se discutindo alguma coisa- ela disse abrindo a mochila e bebendo uma das poções que na verdade era só água, ela ficou invisível e entregou a garrafa para o garoto.
                -Beba, rápido, nós precisamos ouvir essa conversa- ela cochichou.
                O garoto bebeu a água e Giovana o puxou enquanto fazia com que ele também ficasse invisível.
                -Já disse, eu vi com os meus próprios olhos enquanto podia ver o futuro, - Uma delas dizia
                -Mas isso é impossível, uma fada pura... elas tinham desaparecido há séculos, se nós descobrirmos onde elas se esconderam durante todos esses anos, nós podemos usar a magia delas para nos tornar mais fortes que a elite das bruxas boas.- a Diretora disse pensativa batendo as unhas no apoio da poltrona.
                -Conte novamente o que foi que você viu.- a mais nova das três sugeriu
                -Não consegui ver muita coisa, mas acho que era uma arvore a fonte de energia das fadas, e eu vi uma fada pura que habita esse mundo, se nós conseguirmos um meio de força-lá a nos levar até o mundo dela...
                -Espera? Porque a porta esta aberta- Uma delas se levantou.
                A porta abriu mais um pouco agindo como se uma brisa tivesse empurrado
                Os dois caminharam até ficarem bem longe da sala para depois voltar ao normal.
                -Belo truque, mas você cometeu um pequeno erro, uma brisa não poderia abrir a porta da diretoria, estamos numa escola subterrânea sem quase nenhuma janela, o ar não ventila por aqui.
                -Como conseguem viver nesse buraco?
                -Faz parte da seleção dos mais fortes. Vamos, já está quase amanhecendo amanhã teremos aula de voo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário