4 de março de 2012

Mitologia: Corpo seco

Não é estranho? Para cada criatura existe um representante aqui no Brasil (bem quase). Assim como a Iara está para as sereias, (ou o lobisomem para o lobisomem guara), bem o corpo seco seria como um vampiro brasileiro.
Conta-se que durante a vida ele era um homem cruel que atormentava e batia na própria mãe, quando morreu, nem o céu, nem o inferno deixaram ele entrar (se assemelha a lenda do Romãozinho), nem a própria terra onde ele foi enterrado o aceitou, ela cuspiu ele para fora, por isso ele se levantou do tumulo e começou a andar por ai como um zumbi solitário (ou alma penada se preferir), quando uma pessoa passa por um cruzamento, ele pula em cima da pessoa e começa a sugar o sangue dela até alguém aparecer para ajudar, caso o contrario a vitima ira morrer.
Bem existe até um ditado popular: "Quem bate em mãe fica com a mão seca"
Ta fim do post, agora imagina eu que morro de medo de fantasmas, mortos ou sei lá, pra procurar a historia e imagina o meu desespero pra achar uma imagem, mais ou menos as 22:48 da noite. Bem, eu entrei no google e nem olhei para os lados, vi uma só em preto e branco antes q eu tivesse um ataque, ta ai:
Bem, eu sei, existem imagens muito mais assustadoras, mas ainda assim tenho medo de andar em lugares desertos, nunca se sabe se eles "realmente" estão desertos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário