28 de novembro de 2011

Artefatos das fadas madrinhas- capitulo 8

                - Que tenho aqui? Um grupo de fadinhas vindo salvar a princesa? Esperava um príncipe encantado.
                -Cara, que engraçado, já pensou em ser comediante?- Ice disse com um tom de tédio
                -Quais vão ser as suas ultimas palavras fada?- Ele disse apontando o facão para Lovely.
                -Essa não é a primeira vez que me ameaçam com um objeto cortante, e estou feliz de estar usando calças jeans.
                O caçador estava prestes a mata- lá, mas algo lhe atingiu a cabeça, Karim que estava livre o acertou nas costas, ele soltou um gemido de dor e se virou para Karim.
                -Uma fada madrinha, sua miserável.- Ele disse se aproximando de Karim.
                -Ice- Lovely cochichou- A sua espada, agora!!!
                Ice tirou o hachi que prendia o cabelo e ele virou uma espada, ela cortou a corda de Lovely e ela caiu no chão.
                -Ai... Eu achei que você ia cortar a sua primeiro
                O caçador se virou ao ouvir o barulho dela caindo, mas foi atingido por um soco de Lovely.
                -Cara, socar o rosto de uma pessoa é muito estranho, me dá uma sensação de culpa.
                -Você se acostuma- Ice disse- Agora.... NOS TIRE DAQUI!!!!
Lovely pegou a espada que tinha caído no chão e cortou as cordas todas de uma vez. Depois desamarrou a princesa cortando as cordas novamente.
-Cara, eu tenho um ótimo gosto para presentes, essa espada é muito útil!!!
- LOVELY!!! VAMOS!!!!!
Elas saíram correndo de lá quando o caçador estava prestes a se levantar, Lovely olhou para a princesa e uma pergunta passou pela sua cabeça.
-Eu percebi uma coisa, não perguntamos o seu nome.
-Eu aposto que o nome dela é um vegetal- Ice disse enquanto corria e olhava para as varias portas no corredor- É pamonha!!!!!
-ICE!!!!!!
-O que? Eu não disse nada, se a antepassada dela se chamava Rapunzel por que ela não se chamar pamonha? Eu sou inocente- Ice disse dando de ombros
-Meu nome é Rani...
-Eu não entendi- Kaila disse interrompendo Rani
-Rapunzel é o nome de um vegetal que os pais dela roubaram da bruxa, nesse caso da fada madrinha. Por aqui!!!- Lovely disse apontando para uma porta.
-Você tem certeza?- Karim perguntou
-Tenho, relaxa, eu sei o que estou fazendo- Ela disse
-Então nesse caso ferrou, por que a mentira que a Lovely mais conta é: “Relaxa, eu sei o que estou fazendo”- Ice disse
 -E a mentira que você mais conta é: “Eu sou inocente”- Ela disse arrombando a porta.
A sala estava muito escura Diere começou a tatear a parede procurando um interruptor, ela soltou um grito quando encostou em algo áspero e escamoso, Lovely se assustou e acabou batendo no interruptor. Diere olhou para a parede onde havia encostado e quase desmaiou ao ver que era pele de dragão.
-Quem teria coragem de matar um dragão?- Ela começou a surtar
As outras olharam em volta e viram que alem de pele de dragão havia varias outras coisas, asas de fada, chifre e pelo de unicórnio, um vidro com escamas de sereias, etc...
-Monstros!!!!- Diere começou a chingar.
-Vamos Diere, ele vão nos alcançar...
Lovely parou de falar quando viu varias peles de raposas fadas penduradas na parede, começou a imaginar se isso acontecesse com Melody.

Nenhum comentário:

Postar um comentário