13 de agosto de 2011

A viagem de Lovely-Capitulo 2

Uma coisa saiu voando em meio as árvores ela voou no rosto de Lovely, seria um inseto gigante, Lovely gritava e tentava afastar o inseto do rosto, mas mais insetos gigantes surgiram, Lovely caiu no chão sujando a roupa e o cabelo.
                -Tire férias Lovely vai ser divertido, você anda muito estressada- Lovely dizia imitando Dara
                Uma pessoa bem pequena com asas de libélula ficou na frente do seu rosto, ela olhou para Lovely e disse:
                -Por favor, devolva as nossas irmãs, nós não fizemos nada á vocês.
                Lovely olhou para aquela fada com asas de libélula com uma expressão confusa
                -Oi? Do que esta falando?
                -Uma criatura como você tem seqüestrado as nossas irmãs.
                -Como eu?-Lovely disse abrindo as asas para se levantar.
                As fadas ficaram impressionadas. Ao verem as asas
                -Você é uma fada humana!!!! Nós achávamos que era apenas uma lenda.
                -Engraçado, por que no meu mundo fadas é que são lendas.
                -Nós sempre contamos lendas sobre as fadas humanas, como elas são fortes e corajosas, mas por conviver muito com humanos ficaram muito frescas.
                -Tenho que concordar com o fresca, mas e sobre a criatura que vocês disseram, ele era humano.
                -Se fosse não causaria problemas, ele tem a aparência de um humano, mas acredite, ele esta muito longe de ser um, possui poderes que nenhuma de nós conhece, quando olha nos olhos da sua presa ela entra num tipo de transe.
                -Como se estivesse apaixonada, mas meio que enfeitiçada?
                -Acho que sim, mas como sabe?
                -Existem sereias no meu mundo, elas fazem algo parecido, mas com garotos. Bem, eu sou uma fada, vou encontrar as suas irmãs, e descobrir por que ele seqüestrou elas.
                -Serio!?-Elas disseram
                -Claro, mesmo eu estando de férias tenho que arranjar algo para fazer.
                -muito obrigada, mas qual o seu nome?
                -É Lovely. Agora me contem tudo sobre esse cara.
                -Bem, a primeira coisa que você deve fazer é evitar olhar nos olhos dele, ou pode ser enfeitiçada.
                -Tipo como lutar com uma medusa.
                -Ele tem uma espada.
                -Está ficando cada vez melhor, mais alguma coisa?
                -desculpe, nós só sabemos disso.
                -Hum, parece fácil, uma arma e alguns poderes, a arma dele é mágica? Tipo pode fazer coisas que as outras espadas não fazem?
                -Não sabemos, ele nunca usou a espada para nos capturar
                -Tudo bem, acho que vai ser bem fácil, mas antes eu preciso tomar um banho, sabe onde tem algum lugar com água quente?
                -Não, mas tem uma cachoeira naquela direção
                Lovely andou até a cachoeira e começou a gritar por causa da água fria saiu de lá tremendo de frio.
                -Você tem razão, fadas humanas são muito frescas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário